Turistando na noite carioca

Turistando na noite carioca

O Rio de Janeiro é mesmo uma cidade maravilhosa! Mesmo com seus altos e baixos o turismo na cidade é ainda é bastante presente. Muita gente, vinda de todo o mundo, visita o Rio.

E toda essa galera que pinta por aqui, normalmente quer duas coisas: praias e descontração. Em regra geral os turistas gostam de aproveitar um pouquinho do lifestyle carioca.

A Cidade Maravilhosa esbanja beleza e encanta sob a luz do sol assim como ferve quando se encerram os aplausos no Arpoador (onde tradicionalmente se assiste ao pôr do sol de pés na areia).

A noite carioca é bem democrática, tem para todos os gostos e rola de boa de segunda à segunda. Claro que, dependendo da época em que a viagem ao Rio aconteça, alguns eventos estão mais ou menos latentes. Mas de certo modo, por aqui é verão o ano todo e tem sempre uma opção para dar aquela esticada no fim do dia.

Um Rio de opções

Toda segunda-feira, a partir das 19:00, ocorre a tradicional Roda de Samba da Pedra do Sal. No Largo João da Baiana (uma das subidas do Morro da Conceição, a 100 metros do Largo de S. Francisco da Prainha no centro da cidade). A cultura e história brasileira estão estampadas nas paredes que envolvem a pedra onde a multidão disputa, amigavelmente, um espacinho na pedra que oferece visão para as apresentações musicais.

Não é toda cidade que dispõe de praticamente um bairro inteiro repleto de arte, cultura e entretenimento. A Lapa é o berço da noite carioca, tem de tudo por lá. Todos os públicos e todos os ritmos frequentam o bairro onde todo dia é dia de festa.

É no entorno dos arcos que estão os famosos Carioca da Gema, referência em samba, choro e MPB. O Circo Voador, uma das mais conhecidas casas de shows do Rio, por onde já passou praticamente toda a história do pop, rock nacional. A Fundição Progresso – antiga fábrica de objetos de ferro desativada nos anos 1970 e deu origem a um enorme galpão que é palco para eventos variados e onde rola o histórico festival de marchinhas de carnaval além de já ter recebido grandes shows brazoocas e gringos.

Para aqueles que curtem a pegada mais intimista, o Beco das Garrafas, tem programação diária e abre espaço para novos representantes do cenário musical com forte presença da Bossa Nova.

A casa fica em Copacabana em uma rua sem saída próxima à estação de metrô Arco Verde onde na década de 50 os músicos se reuniam e faziam um burburinho tamanho que os moradores atiravam garrafas em protesto. Daí o nome local que recebeu produções de Miele incluindo shows de Elis e Simonal.

A programação é variada e intensa, vale ficar sempre de olho no que está em alta no momento da visita. A maior parte dos pacotes de viagens proporcionam passeios diurnos incríveis e que muitas vezes incluem esses pontos, porém nem sempre agregam a experiência noturna. Não perca a oportunidade de viver ao menos uma noite em terras cariocas.

Muitos eventos isolados como festas e shows, sejam de rock, reggae, funk, eletrônico, jazz ou ensaios de blocos de carnaval acontecem em espaços alternativos, como aqui, o Floresta é um espaço polivalente e que recebe e todos os tipos de públicos. Acompanhe nossa agenda! 😉

casaraofloresta
casaraofloresta@casaraofloresta.com.br
Nenhum Comentário

Publicar um comentário